Definição de dicionário

O que é o eLearning?

O eLearning é a simplificação de “Electronic Learning” e corresponde a formações interativas que impliquem processos de ensino-aprendizagem que ocorrem com recurso a meios eletrónicos, caracterizadas principalmente pela separação física entre o formador e o formando. 

Uma definição mais completa diz-nos que o eLearning pode ser visto como uma aproximação para a disponibilização online de instrução centrada no aluno/ formando, interativa e facilitadora de um ambiente de aprendizagem para todos, em qualquer lugar, a qualquer hora, utilizando as mais variadas tecnologias digitais em combinação com outros materiais, ajustado ao contexto de aprendizagem e ao ritmo de cada um (Khan, 2005).

O aluno/ formando é visto como o centro de todo o processo de desenho instrucional e toda a aprendizagem é gerida por ele, com ajuda do tutor e dos colegas, através de diversas ferramentas informáticas. 

Segundo Jean Piaget, o conhecimento não é transmitido, e sim construído progressivamente, por meio de ações e coordenações de ações que são interiorizadas e que se transformam. Portanto, a construção de um percurso formativo em eLearning deverá basear-se em diversas abordagens pedagógicas e didáticas que favoreçam esta transformação.

Pensar em sistemas de aprendizagem mediados pelas tecnologias Web, implica pensar também em modelos de instrução que guiem os procedimentos de criação dos cursos, módulos ou unidades curriculares. Dentre os modelos mais utilizados para a criação de sistemas de aprendizagem, web ou não, temos o modelo:

  • ADDIE;
  • Dick & Carey;
  • Rapid Prototyping Model;
  • Allessi & Trollip;
  • de Integração por Objetivos.

O modelo base do nosso processo de criação de oferta de eLearning é o modelo ADDIE, com suporte na Taxonomia de Bloom para a definição de objetivos de aprendizagem. 

O processo de formação em eLearning oferece diversas vantagens para o seu negócio, como por exemplo:

  • Redução de custos. Redução/ eliminação de gastos de deslocação, alojamento, materiais didáticos, etc.
  • Rapidez e agilidade. As comunicações através dos sistemas em rede conferem rapidez e agilidade a todo o processo de aprendizagem.
  • Acesso just-in-time. Os formandos podem aceder ao conteúdo a partir de qualquer lugar e dispositivo.
  • Flexibilidade de agenda. Não é necessário que um grupo de pessoas tenha disponibilidade no mesmo dia, à mesma hora e no mesmo espaço. 
  • Cultura de aprendizagem. Geralmente divida em blocos mais pequenos de informação, este tipo de formação permite, àqueles com agendas muito preenchidas, o acesso à um bloco de conhecimento por dia, até completar a total construção mental do conhecimento.

O eLearning é uma modalidade de formação capaz de criar valor, não só para as grandes empresas, como também para as PME ou até para os profissionais autónomos. 

Atualmente, e atendendo ao ritmo frenético e à imprevisibilidade das mudanças, é imprescindível mantermo-nos atualizados, adquirindo rápida e cirurgicamente os conhecimentos essenciais ao excelente desempenho das nossas profissões e à competitividade existente neste mercado.

 

Receba a newsletter Sage Advice

Inscreva-se para receber o boletim do Sage Advice e receba os conselhos mais recentes diretamente no seu e-mail.