Inscreva-se

Inscreva-se

Como gerir as finanças do vosso negócio criativo

Back to search results

Logotipo do Sage Advice
Sage AdviceConhecimento para Empresas de Sucesso
Receba a Newsletter Sage AdviceSubscrever
artista freelancer junto a tela

Atravessamos uma verdadeira revolução artesanal, o que trouxe a muitos a oportunidade de monetizar os seus passatempos. Independentemente da proporção de rendimento que a vossa produção criativa vos traga, devem pensar nas finanças do vosso negócio secundário. A contabilidade de um pequeno negócio é um desafio que podem encarar com organização. Os vossos objetivos principais devem ser estipular o preço do vosso negócio corretamente, registar despesas e submeter uma declaração fiscal irrepreensível.

Documentem os vossos gastos

Primeiramente, identifiquem todos fatores necessários para que o vosso negócio funcione, ou seja, material, equipamento, embalagens de envio, cartões de negócio, selos ou pagamento de transporte, taxas dos sites de venda ou comissões de feiras de artesanato e formação, entre outros.

Separar as vossas finanças

Não deixem de utilizar uma conta bancária separada da vossa conta pessoal, para conseguirem separar facilmente as vossas despesas e rendimento de trabalho das restantes.

Estabelecer o preço certo para o vosso trabalho

Etiquetar o vosso tempo e trabalho corretamente é o primeiro passo no caminho para conseguirem produzir como idealizam. Assim que comecem a registar as vossas despesas, conseguirão atribuir um valor certo a cada produção, ao qual podem adicionar tempo, embalamento e transporte. Uma vez identificados todos os fatores, podem estipular preços sem medo de o fazer de forma prejudicial.

Mantenham tudo online e optem pela solução de faturação que vem otimizar o vosso negócio. Sage One funciona de forma intuitiva e simples e oferece-vos conhecimento prático sobre as vossas compras e despesas. A faturação profissional para o vosso negócio criativo!