Inscreva-se

Inscreva-se

4 dicas para protegerem a vossa propriedade intelectual

Back to search results

Logotipo do Sage Advice
Sage AdviceConhecimento para Empresas de Sucesso
Receba a Newsletter Sage AdviceSubscrever
Homem a criar projeto

No desenvolvimento de uma nova ideia ou na criação de um novo negócio, importará atentar à proteção da vossa propriedade intelectual. Ainda que este seja um passo que deverá ser posterior à criação do negócio em si, tendo em conta a estabilidade financeira e laboral que exige, a proteção da propriedade intelectual é um passo que deverão ter em conta a médio/longo prazo que, quando possível, deverá ser iniciado com alguma antecedência.

Façam uma análise

Uma análise do mercado e do negócio em si permitir-vos-á perceber que setores do vosso negócio fará mais sentido proteger: a análise em si deverá ser esclarecedora o suficiente para entender o que é elegível para proteção da vossa propriedade intelectual. Se sentirem que não conseguem fazer esta análise sozinhos recorram a serviços especializados, como agências e profissionais da área ou a instituições e organismos públicos.

Sage 50cloud Faturação

Um negócio em crescimento precisa de um software de faturação que acompanhe e promova essa expansão! Sage 50cloud Faturação vai automatizar e simplificar as tarefas do dia-a-dia e cimentar o sucesso da sua empresa.

Descubra mais

Desenvolvam uma política

O estabelecimento de uma política própria para toda a vossa propriedade intelectual no desenvolvimento do negócio ou de uma ideia permite um gestão mais efetiva do que estão a criar. Além disto, a consulta frequente da propriedade intelectual ao longo do crescimento do negócio permite uma análise mais eficaz, na medida em que permite compreender se todo o conteúdo desenvolvido por vocês está efetivamente  protegido.

Olhem além fronteiras

Na verdade, existem diferentes tipos de propriedade intelectual. Contudo, apenas porque protegeram a vossa propriedade intelectual na Europa, não significa que esta esteja protegida, por exemplo, nos Estados Unidos da América ou na China. Se têm concorrentes em mercados estrangeiros, procurem investigar sobre a proteção da vossa propriedade a nível internacional e a posição em que esta se encontra no estrangeiro.

Registem todos os elementos da vossa empresa

De forma a evitarem situações desagradáveis como nomes de empresas e logótipos iguais, deverão registar o quanto antes todos os elementos que vos identifiquem.

É neste campo que entra um dos tipos de propriedade intelectual: trademark (marca registada). O trademarking tem diversas vantagens, das quais se destacam a detenção legal da marca em si e o direito exclusivo em explorar e utilizar a marca, referindo também que este registo leal contribui para a diferenciação face à concorrência.

Por último, poderão retirar mais resultados da proteção da vossa propriedade intelectual através da incorporação do nome com o logótipo e através do uso de marca de água nos vossos materiais de comunicação visuais.