Inscreva-se

Inscreva-se

O que é o wellness empresarial e de que forma ajuda a sua empresa?

Back to search results

Logotipo do Sage Advice
Sage AdviceConhecimento para Empresas de Sucesso
Receba a Newsletter Sage AdviceSubscrever
Colegas de trabalho riem

Cada vez mais as empresas se preocupam com a saúde e o bem-estar dos seus colaboradores. Fazem-no para aumentar a produtividade e melhorar o ambiente de trabalho. Também são movidas pela necessidade de dar o seu contributo para uma sociedade mais saudável e melhor. E, ainda, têm benefícios na projeção externa como por exemplo uma melhor perceção de potenciais candidatos para trabalharem na empresa.

Muitas empresas aceitam este desafio como algo fundamental, tanto que chegam a implementar programas que promovam hábitos de vida mais saudáveis. Atuam em áreas como a alimentação ou o exercício físico.

É importante ter espaços e ambientes de trabalho que permitam aos colaboradores fazer intervalos durante o seu dia de trabalho.

O que é o wellness empresarial?

Poderíamos definir o wellness empresarial como um programa pensado para melhorar o bem-estar empresarial, que incide em diferentes áreas dos colaboradores com o objetivo de melhorar a sua saúde física, mental e emocional. Para isso, trabalham-se os seguintes campos:

  • Área física, onde se proporão ações para a melhoria da alimentação, apostando por ementas mais equilibradas.Também se colocam em prática programas para a realização de mais exercício físico ou para reforçar o descanso reparador.
    •     Área mental e emocional, onde se tentará melhorar a disposição com que os colaboradores afrontam o dia de trabalho, os picos de trabalho ou o ambiente de trabalho na empresa

Como se implementa o wellness empresarial: passo-a-passo

Para melhorar estas áreas, as empresas implementam programas de bem-estar, começando por uma fase de diagnóstico que nos indica as necessidades da nossa organização. É preciso conhecer aspetos como a alimentação ou a atividade física que os colaboradores realizam para pensar no tipo de medidas que devem ser implementadas.

Com base nos resultados obtidos, deve ser elaborado um plano de ação que pode incluir, por exemplo:

  • Melhorias nas ementas disponibilizadas aos colaboradores no caso de existir cantina ou bar.
    • Alterações na oferta de máquinas de vending para introduzir fruta.
    •     Alimentos saudáveis na cantina da empresa.
    •     Programação de atividades e eventos para que todos os colaboradores ou, pelo menos, o maior número participem.

Posteriormente, é necessário acompanhar as medidas adotadas para verificar se estão ou não a cumprir os objetivos, mas também para analisar se os colaboradores se sentiram envolvidos nas mudanças e estão a participar nas atividades programadas.

Benefícios de um programa de bem-estar na empresa

Não se trata de uma despesa. Pelo contrário, estamos a falar de um investimento que a empresa faz na saúde dos seus colaboradores. A implementação deste tipo de planos tem um impacto quase imediato em determinadas áreas, como por exemplo:

  • Melhoria da produtividade, que nalguns estudos são da ordem dos 30%. Consegue-se um impacto direto em dois de cada três colaboradores, uma vez que estes programas permitem ao colaborador ter uma maior capacidade criativa para resolver problemas e apresentar soluções no seu dia-a-dia.
  • Redução do absentismo, dado que uma melhoria na saúde tem um impacto de forma direta sobre as baixas por doença, as ausências por problemas de saúde, etc. Mas também atenua pequenos mal-estar nas costas, constipações, etc. que causam problemas de concentração no dia-a-dia
  • Melhoria do compromisso entre o colaborador e a sua organização. Se o colaborador se sente cuidado e valorizado não quererá mudar de empresa. Aqui também poderíamos falar de questões como o orgulho de pertencer a uma empresa.
  • Redução do stress que tem a ver com uma melhoria do ambiente de trabalho, mais facilidade para trabalhar em equipa como resultado de atividades físicas juntos que não têm a ver estritamente com o trabalho.
  • Melhoria da imagem da empresa que vê como os seus colaboradores se tornam nos melhores embaixadores da marca.

Todos estes fatores implicam uma maior satisfação laboral, uma melhoria da motivação e uma ajuda para alcançar os objetivos estratégicos fixados pela empresa. No papel tudo são benefícios, mas pô-los em prática tem um custo e além disso é preciso conseguir que os colaboradores participem, o que nem sempre é fácil.

Como fazer que os colaboradores participem no programa de wellness empresarial

É evidente que este tipo de propostas não atrairão de igual modo todos os colaboradores. Mudar os hábitos alimentares de uma pessoa de 50 anos é totalmente diferente do que a um colaborador de 30. O mesmo acontece quando se propõe atividade física. Em princípio, os programas de melhoria da saúde atraem mais os millennials e geração Z, que são os que solicitam algo mais do que salário nas empresas.

Partilhar! Saiba como atrair os funcionários para as atividades de wellness(bem-estar) empresarial disponibilizadas.

Por outro lado, não pode ser obrigatório, já que, se o colaborador sentir que um programa de atividade física é mais uma tarefa para além do seu trabalho, que os obrigam a fazer contra a sua vontade, ou declinam ou fá-la-ão com o menor esforço possível para não serem sancionados. Outros funcionários, no entanto, poderão adorar a ideia e terem um efeito íman para que os outros participem.

Muitas organizações apostam em criar um programa de recompensas ou reconhecimentos que incentivem a participação de todos. Se, além disso, acrescentarmos um pouco de flexibilidade que permita aos colaboradores organizarem-se para ter mais tempo livre para investir nestas atividades, o sucesso estará quase garantido.

Por último, tem de haver uma boa política de comunicação, para que todos estejam informados sobre as atividades, para que estas sejam divulgadas e para que se saiba quem obteve melhores resultados ou participou com mais sucesso. Esta comunicação tem de ser de âmbito interno e externo, já que implica uma melhoria da imagem de marca que também devemos cuidar.