Inscreva-se

Inscreva-se

Uma cultura forte é vital para o sucesso

Back to search results

Logotipo do Sage Advice
Sage AdviceConhecimento para Empresas de Sucesso
Receba a Newsletter Sage AdviceSubscrever

Ter uma cultura organizacional forte é muito importante para ter um negócio bem sucedido – importância desde logo traduzida na relação que existe entre cultura e liderança, o compromisso dos colaboradores, e satisfação dos consumidores e a inovação. Mas à medida que os objetivos e estratégia das empresas vão mudando, também a cultura deve sofrer alterações! No entanto, existe uma barreira que impede que muitas empresas criem uma mudança cultural genuína: a noção de responsabilidade. Quem tem a responsabilidade de pôr mãos à obra e começar esta mudança? A resposta é, quase sempre, os Recursos Humanos.

Uma verdadeira mudança na cultura de uma organização altera a forma como esta vive. Molda a forma como as pessoas tomam decisões, fazem o seu trabalho, definem prioridades e interagem com colegas, clientes ou fornecedores. E só se torna bem sucedida quando os próprios lideres do negócio a vêem como sua responsabilidade, sendo os Recursos Humanos o seu braço direito para implementar novos hábitos.

Como é que os Recursos Humanos podem ajudar?

  • Facilitam a fase de pesquisa. Numa fase de mudança, é importante saberem em que ponto estão e para onde querem ir. Quais são os processos, valores, comportamentos, políticas atuais? Os líderes de negócios devem ter na mão todas estas informações antes de pensarem em mudar e os Recursos Humanos são a melhor fonte para facilitar esta fase.
  • Convencem os líderes de que as mudanças podem acontecer… muitos são os líderes mais céticos em relação a uma mudança da cultura organizacional! Muitos virão estas transformações acontecerem por circunstâncias que obrigaram a que assim fosse: nunca por vontade própria! Os Recursos Humanos podem ter, aqui, um papel importante ao partilharem exemplos de organizações que passaram por este processo e que tiveram um impacto positivo decorrente da mudança!
  • …Ensinam-nos como fazê-lo. Não se pode assumir que todos os donos de negócios sabem como influenciar uma mudança cultural. Só quando estiverem capacitados com todas as ferramentas necessárias é que poderão, com a sua habilidade natural, conduzir esta transformação.
  • Mãos à obra. Quando chegar a hora de mudar, a mensagem deve ser clara: este não é um projeto dos Recursos Humanos, mas de toda a empresa e sob a alçada do líder máximo da empresa. Estejam lá para apoiar, ajudar e facilitar a mudança. Mas a responsabilidade não cabe aos Recursos Humanos, mas sim aos próprios lideres de negócios.

Pensem mais nas pessoas e menos nos processos: contem com as soluções de Recursos Humanos Sage para vos acompanhar a par e passo!

Deixar uma resposta