Inscreva-se

Inscreva-se

É possível liderar à distância? Estes são os elementos fundamentais para o conseguir

Back to search results

É possível liderar à distância? Estes são os elementos fundamentais para o conseguir

É evidente que a pandemia acelerou a transformação digital das empresas. Mas também teve um impacto nos líderes das organizações, que foram forçados a liderar à distância.

  • De acordo com o relatório do Terminal sobre liderança remota, apenas 19% dos líderes empresariais dizem ter implementado uma estratégia de trabalho remoto antes da pandemia.
  • Que outros desafios enfrentam os líderes quando trabalham à distância? Como podem garantir que os objetivos empresariais são alcançados? Neste post dizemos-lhe quais são os elementos fundamentais para conseguir uma liderança remota eficaz.

Muitos líderes tiveram a sua primeira experiência na coordenação de equipas remotas e no trabalho a partir de casa com a pandemia. No entanto, esta forma de trabalhar, embora tenha proporcionado inúmeros benefícios, também trouxe inúmeros desafios. Liderar à distância é uma verdadeira mudança na cultura organizacional.

 

Desafios da liderança à distância

Liderar à distância não deve significar manter o controlo absoluto sobre os trabalhadores, mas sim procurar soluções para gerir o trabalho de forma eficaz e à distância, enfrentando uma série de desafios, entre os quais podemos destacar os seguintes:

  • Gerir equipas multidisciplinares.
  • Manter a produtividade da equipa.
  • Atingir os objetivos estratégicos da organização.
  • Impulsionar a motivação dos empregados.
  • Atrair e reter talento.
  • Estabelecer processos digitais eficazes.

 

Como liderar equipas virtuais à distância?

O relatório Terminal, citado anteriormente, mostra que, entre os líderes que têm um plano de trabalho à distância, 63% dizem que os seus planos abordam a produtividade, enquanto apenas 21% consideram o esgotamento dos empregados e apenas 32% consideram a solidão. Isto significa que estão a ser negligenciados problemas importantes que podem afetar a retenção de talentos no futuro.

Os elementos fundamentais que podem ser seguidos para liderar equipas virtuais à distância são os seguintes:

 

  1. Defina a forma de trabalhar

A definição da dinâmica de trabalho da equipa virtual é uma tarefa fundamental para a liderança remota. Consiste em estabelecer as tarefas que cada membro da equipa vai realizar, como cada pessoa pode ser contactada e em que momento e de que forma as tarefas que são realizadas serão documentadas. A este respeito, é de notar que, de acordo com dados de La Terminal, 78% dos líderes afirmam estar a favor da confiança, em vez de estar a favor de ferramentas de acompanhamento, para avaliar a produtividade dos trabalhadores.

78% dos líderes preferem confiar nos seus empregados em vez de utilizar ferramentas de acompanhamento para avaliar a sua produtividade.

 

  1. Comunique com tranquilidade

A equipa virtual conta consigo como líder para momentos críticos, por isso é essencial que use linguagem simples e que comunique calmamente aplicando a inteligência emocional para gerir as suas emoções e compreender as emoções de cada membro da equipa. Uma das formas mais fáceis de o fazer é utilizar as videochamadas e incentivar os membros da equipa a ligar a câmara.

 

  1. Crie um espaço de lazer comum

As pessoas são seres sociais e por isso também no trabalho interagimos com outras pessoas. Com o teletrabalho é necessário encontrar esta forma de relação. Por exemplo, pode propor um almoço ou pequeno-almoço virtual

 

  1. Aproveite as vantagens da tecnologia

Há uma multiplicidade de ferramentas para uma liderança remota eficaz, tais como: calendários partilhados, armazenamento de documentos na cloud, ferramentas de gestão de projetos, videochamadas e mensagens instantâneas, entre outras.

Os líderes das organizações enfrentam o desafio de liderar à distância na sequência da implementação acelerada do teletrabalho.

 

  1. Prepare as reuniões da sua equipa

A preparação das reuniões é sempre essencial, sejam elas físicas ou virtuais. Para o fazer, deve definir claramente os assuntos a discutir, os problemas a resolver e deixar um espaço para perguntas ou dúvidas da sua equipa. É importante que as reuniões não sejam demasiado longas e que, uma vez concluídas, prepare a ata da reunião para que todos os pontos fiquem claros, e partilhe-a com a sua equipa.

 

  1. Estabeleça o trabalho com base nos resultados

Como dissemos no início, um líder deve estabelecer os resultados a serem alcançados. O importante não é como estes resultados devem ser alcançados, mas sim os próprios resultados. Para que este sistema funcione, é essencial que cada empregado disponha das ferramentas necessárias para realizar o seu trabalho. É também essencial que as dificuldades sejam partilhadas com a equipa a fim de as resolver e que seja possível alcançar os objetivos estabelecidos.

A aplicação da tecnologia, a comunicação eficaz e o trabalho por objetivos são alguns dos elementos fundamentais para a liderar à distância.

 

  1. Promova novas formas de trabalho

As mudanças na forma como as empresas trabalham como consequência da pandemia levaram à necessidade de criar estruturas empresariais resilientes que se adaptem rápida e facilmente a eventos inesperados que possam surgir a qualquer momento. Neste sentido, a tecnologia também pode ser um grande aliado, por isso a transformação digital da sua empresa dar-lhe-á uma vantagem sobre os seus concorrentes.

 

  1. Incentive a criação de uma cultura de trabalho à distância.

De acordo com o relatório Terminal, apenas 27% dos empresários pensavam ter uma forte cultura de trabalho à distância. Os líderes tentaram vários sistemas, tais como oradores inspiradores ou sessões de brainstorming.

Liderar à distância vai significar encontrar um equilíbrio entre a entrega de resultados empresariais e permitir aos empregados conciliar a vida profissional e pessoal. Não há dúvida de que trabalhar remotamente como líder requer alguma adaptação inicial e esforço extra, mas é mais do que possível.

 

Maximize o potencial dos seus colaboradores com o software de Recursos Humanos da Sage

Uma boa gestão de capital humano significa cuidar dos registos dos seus colaboradores, das necessidades, da sua força de trabalho e do modo como a empresa aborda o seu talento.

Saiba mais

Receba a newsletter Sage Advice

Inscreva-se para receber o boletim do Sage Advice e receba os conselhos mais recentes diretamente no seu e-mail.