Inscreva-se

Inscreva-se

A Contabilidade e a Tecnologia: o que esperar do futuro da profissão? – Parte VII

Back to search results

Logotipo do Sage Advice
Sage AdviceConhecimento para Empresas de Sucesso
Receba a Newsletter Sage AdviceSubscrever

VII.1 – A Economia nos séculos XIX e XX

No século XIX e início do século XX, o sistema económico tinha como finalidade produzir bens para satisfazer as necessidades básicas dos consumidores. Imperava a ótica da produção. Tudo o que se produzia era absorvido pelo mercado.

As fábricas escoavam toda a sua produção. Era o tempo do “forte e feio”. Os líderes das empresas eram os Diretores de Produção ou os Encarregados Fabris.

Esta realidade alterou-se em meados do século XX, quando o consumidor passou a ter as necessidades básicas satisfeitas e passou a exigir produtos de maior qualidade, mais apelativos e de mais baixo preço.

As fábricas começavam a ter os seus armazéns cheios de stocks pois os consumidores já não adquiriam um produto qualquer. As empresas passaram a ter de fazer um esforço para convencer o consumidor a comprar os produtos que queriam vender.

Surge o Marketing, a Publicidade, os Estudos de Marcado. O Diretor Comercial passa a liderar as organizações e a ter como missão satisfazer o consumidor.

VII.2 – A Economia nos séculos XX e XXI

Neste período, já não é importante a produção em quantidade nem produzir o que o consumidor deseja, mas, tirando partindo das tecnologias, utilizar os meios de produção para inovar. Agora é o empreendedor e o inovador que lideram o sistema económico.

As três empresas com maior capitalização bolsista:

2006 2012 2017
Microsoft Apple Google
General Electric IBM Apple
CocaCola Google Microsoft

Fonte: Bloomberg

No século XXI, as empresas prestam serviços a preços bastante diminutos e estabelecem uma ligação efetiva com o cliente. A “moeda” utilizada nestas transações é muitas vezes, a informação. Aqui os Contabilistas Certificados devem utilizar esta “moeda”, informação produzida pelos sistemas de contabilidade que gerem, e criar novos produtos, substituindo as tarefas de inserção de dados e arquivo de documentos pela utilização do conhecimento e a criatividade para produzir benefícios económicos para os seus clientes.

Enquanto no século passado, o trabalho humano e o capital eram os fatores decisivos, neste século, o conhecimento, o talento e a criatividade serão os ingredientes fundamentais.

Citando John Howkins no livro The Creative Economy, “as pessoas que possuem ideias são mais poderosas do que as pessoas que trabalham com as máquinas e, em muitos casos, mais poderosas do que as pessoas que são donas das máquinas”.

O paradigma do futuro para o Contabilista Certificado (CC) será aprender a confiar nos seus clientes, captá-los e reforçar o seu envolvimento para os fidelizar.

Enumeram-se algumas formas de reforçar o envolvimento do CC com os seus clientes, enviando trimestralmente:

  • A Posição Financeira (Evolução do Ativo, do Passivo e do Capital Próprio);
  • O Desempenho Económico (Evolução dos Gastos, dos Rendimentos e do Resultado);
  • A Autonomia Financeira, a Liquidez e o Fundo Maneio;
  • A Rentabilidade das Vendas, do Ativo, do Capital Próprio e por Trabalhador;
  • O peso de cada gasto na estrutura de gastos;
  • O prazo médio de recebimento, com indicação das dívidas de clientes há mais de 6 meses;
  • O prazo médio de pagamento, com indicação das dívidas a fornecedores há mais de 6 meses;
  • As obrigações fiscais cumpridas nos últimos três meses;
  • As obrigações fiscais a cumprir nos próximos três meses.

Para o efeito, o CC deve fazer uso das aplicações informáticas que utiliza, solicitando ao seu parceiro tecnológico a criação da informação anteriormente referida, de modo a tirar partido da digitalização e, através da Inteligência Artificial (IA), poder fazer associações de procedimentos, detetar situações e agir adequadamente.

Sage for Accountants

Informação e inovação em tempo real: a contabilidade do futuro. Aumente a eficiência do seu negócio de Contabilidade, com automatização de tarefas morosas. Ganhe a possibilidade de trabalhar à distância e escolha a solução mais adequada à sua situação.

Descubra mais

O futuro não é apenas ter informação, mas algo muito mais importante, que é usar a informação.

É também com este procedimento que as empresas, que prestam serviços de Contabilidade e Fiscalidade, se inserem na Revolução Digital que estamos a viver.