Inscreva-se

Inscreva-se

Microempresas: porquê e como comunicar no Facebook?

Back to search results

Em todo o mundo existem no Facebook 1,393 mil milhões de utilizadores ativos mensais. Para percebermos a dimensão do que este número representa, se pensarmos no Facebook como uma grande nação, e nos utilizadores mensais ativos como habitantes, no final de 2014 a rede social era o maior país do mundo.
O Facebook constitui-se, assim, numa oportunidade maravilhosa para as empresas muito pequenas divulgarem os seus serviços, além de também permitir às microempresas comunicar eficazmente em pouco tempo e com poucos meios, estando ainda em estreito contacto com os seus clientes.

Mas não basta criar uma página no Facebook para que a comunicação funcione: também é preciso criar um envolvimento com a sua marca ou empresa, implementando uma estratégia digital apropriada.

Publique regularmente, mas sem exageros

O segredo da boa comunicação no Facebook é a regularidade. Ao publicar regularmente, fica dentro do espírito da sua comunidade. Mas tenha cuidado: não se trata de “assediá-la”! De acordo com um estudo publicado pela HubSpot* é contraproducente para uma microempresa-PME com menos de 10.000 seguidores publicar mais de uma vez por semana. Por outro lado, com mais de 10.000 fãs, é aconselhável publicar uma ou duas vezes… por dia!

Outra boa prática é habituar a sua comunidade à regularidade: por exemplo, publique informações sobre o mesmo tópico todas as segundas-feiras. Depois mude o tema à terça-feira, à quarta-feira… Ao publicar os seus posts, irá gerar antecipação e ajudar a fidelizar os seus seguidores!

Publique à hora certa

Como o objetivo é mostrar uma publicação ao maior número de pessoas, deverá colocá-la on-line durante os picos de audiência, às horas em que as pessoas estão mais atentas! De um modo geral, as publicações que obtêm a melhor visibilidade são publicadas:

  • às 9h, às 13h e às 15h de quarta a sexta-feira, com um pico entre as 15h e as 16h às quartas-feiras
  • entre as 12 e as 13 horas aos fins-de-semana

Mas atenção, cada comunidade é específica. Para conhecer os pequenos hábitos da sua comunidade, consulte o Facebook Insight (serviço gratuito): permite-lhe saber quando os seus fãs estão online, e diz-lhe quais são os melhores momentos para publicar. Na prática, para simplificar a sua tarefa e assegurar a sua regularidade, não hesite em agendar as suas publicações, por exemplo às segundas-feiras para toda a semana.

Sem conversa de chacha

Uma publicação eficaz é curta e vai diretamente ao assunto. Não há necessidade de afogar os seus fãs em textos que nunca mais acabam: para transmitir a sua mensagem, vá direto ao assunto. Lembre-se, a maior parte dos utilizadores do Facebook limitam-se a dar uma vista de olhos. Quanto mais direto for o seu post, mais visível ele será e mais impacto terá. Pense também em oferecer uma grande variedade de conteúdos:

  • Textos
  • Inquéritos
  • Vídeos.

Esta diversificação de formatos vai ajudá-lo a renovar o interesse da sua comunidade.

Se publicar vídeos, lembre-se de os importar diretamente para o Facebook, e de não transmitir links de vídeos descarregados noutras plataformas. Beneficiará de uma melhor referência a partir do Facebook e, portanto, de uma melhor visibilidade, uma vez que a partilha de links é penalizada.

Utilize imagens

As publicações com imagens ou vídeos são muito mais visíveis do que apenas texto. Não se esqueça de escolher visuais de boa qualidade no formato certo para que adaptem adequadamente aos vários dipositivos: computador, tablet e smartphone.

Fale de si próprio

Por definição, as redes sociais são apoios à socialização. A sua comunidade espera que crie uma ligação com eles, e, portanto, que lhes conte histórias: os bastidores da criação da sua marca, pequenos episódios com piada da vida da sua empresa… Não hesite em mostrar a sua personalidade e em destacar os seus valores.

Responda aos comentários

O princípio das redes sociais é a interação. Assim, responda aos comentários, mesmo – e especialmente – se forem negativos, o mais rapidamente possível, e de forma personalizada. Utilize o @ para marcar os utilizadores a quem responde. O objetivo é destacar a sua competência e capacidade de escuta. Quanto mais aberto for ao diálogo, mais as suas publicações serão seguidas e apreciadas.

Mime os seus seguidores

A sua comunidade precisa de se sentir privilegiada. Não hesite em premiá-la com conteúdos gratuitos, descontos exclusivos (com um código do Facebook), vantagens personalizadas, jogos, concursos…

Motive os seus seguidores

Criar uma comunidade fidelizada que o siga é bom; fazer com que ela compre os seus produtos ou serviços é ainda melhor! Para facilitar a ação, adicione à sua página profissional botões “call-to-action” “ do Facebook .Com um simples clique, estes convidam os utilizadores a visitar o seu site, comprar os seus produtos, fazer uma reserva ou a telefonar-lhe!

Finalmente, para ter a certeza que está no bom caminho, verifique regularmente o separador de estatísticas do Facebook. Poderá medir o impacto dos seus esforços e aprender mais sobre a sua comunidade: faixa etária, sexo, períodos de publicação mais apropriados, tipos de posts de que mais gosta… Ao conhecê-la melhor, poderá oferecer-lhe o que ela procura e melhorar a sua comunicação semana após semana!