Inscreva-se

Inscreva-se

PRR apoia Internacionalização via e-commerce 

Crescimento de Negócio e Clientes

PRR apoia Internacionalização via e-commerce 

É uma PME? 

Está a dar os primeiros passos na exportação online ou quer alargar a sua atividade para novos mercados?

Tem um projeto de presença direta nos canais online, designadamente criação de lojas próprias e/ou adesão a marketplaces para potenciar a exportação? 

Está a planear desenvolver campanhas de promoção online em mercados externos? 

Se respondeu afirmativamente a estas questões, existe um incentivo que pode apoiar os seus investimentos: a medida Internacionalização via E-commerce, que visa apoiar projetos individuais de PME que, suportados em planos de ação detalhados, induzam a concretização de estratégias de internacionalização digital baseadas na implementação de tecnologias e processos associados à Indústria 4.0 que configurem ajustamentos aos modelos de negócio internacionais, anulando barreiras geográficas e introduzindo alterações na relação entre os vários intervenientes na cadeia de valor, bem como com o cliente.

Qual a forma de apoio e taxa de financiamento de que posso beneficiar?

Este aviso pretende contribuir para promover o comércio eletrónico tanto em novas exportadoras como em empresas que já se encontram a operar no comércio internacional, através de um financiamento que beneficia de uma taxa de incentivo até 50% (a fundo perdido) sobre as despesas elegíveis apuradas, de acordo com as seguintes tipologias:

“Novas Exportadoras” – 10.000 € a 25.000 €

“Mais Mercados” – 25.000 € a 85.000 €

Que tipo de despesas posso incluir?

São elegíveis despesas relacionadas com a aquisição de equipamentos e software diretamente relacionados com a implementação do projeto, custos com pessoal técnico diretamente afeto à implementação do projeto, devendo ser evidenciadas as competências/valências em e-commerce e marketing digital e corresponder a um nível mínimo de qualificação VI (QNQ) e ainda despesas relacionadas com a aquisição de serviços a terceiros tais como:

Desenho e implementação de estratégias aplicadas a canais digitais para gestão de mercados, canais, produtos ou segmentos de cliente;

1. Desenho e implementação de estratégias aplicadas a canais digitais para gestão de mercados, canais, produtos ou segmentos de cliente;

2. User-Centered Design (UX)

3. Desenho, implementação, otimização de plataformas de Web Content Management (WCM), Campaign Management, Customer Relationship Management e E-commerce;

4. Criação de lojas próprias online, inscrição e otimização da presença em marketplaces eletrónicos

5. Search Engine Optimization (SEO) e Search Engine Advertising (SEA)

6. Social Media Marketing

7. Content Marketing

8. Display Advertising

9. Mobile Marketing

10. Business Inteligence e Web Analytics

Quais são as etapas-chave da apresentação de candidaturas?

1. Realizar o diagnóstico de e-commerce que permite avaliar o grau de preparação da sua empresa no website Portugal Exporta. O resultado da avaliação define a tipologia da candidatura a submeter: Novas Exportadoras ou Mais Mercados. As recomendações disponibilizadas neste Diagnóstico têm ainda como objetivo fornecer orientações para a elaboração de um Plano detalhado de E-Commerce Internacional que sustente a apresentação da candidatura.

2. Desenvolver um plano de e-commerce internacional para sustentar a sua candidatura, a empresa deve apresentar um Plano detalhado de E-Commerce Internacional (ver detalhes no Anexo I do Aviso de Abertura de Concurso n.º 08/C16-i02/2022).

3. Efetuar a candidatura no Balcão dos Fundos através de formulário eletrónico a disponibilizar brevemente. Em anexo, submeter o Diagnóstico de E-Commerce disponibilizado pela AICEP e o seu Plano de E-Commerce Internacional.

Pretende validar a elegibilidade do seu projeto de investimento? Há consultoras que o podem ajudar a preparar a sua candidatura.